O Forte vermelho (em inglês: Red fort, em hindi: लाल क़िला, em urdu: لال قلعہ ) é um conjunto monumental de fortificações em Delhi e um grande exemplo da arquitetura indiana. Localiza-se na região hoje conhecida como Velha Delhi e foi construído no século XVII. Um viajante desse tempo chegou a se referir ao forte como uma maravilha superior às prometidas no paraíso.
As pedras vermelhas usadas nas paredes deste monumental conjunto arquitetônico indiano não são as mais preciosas, mas influenciaram diretamente seu nome. Aquando da sua construção o soberano era Shah Jahan, o construtor do Taj Mahal. Após a morte da esposa, o rei decidiu transferir de lugar a capital do reino, até então sediada em Agra. Não poupou esforços nem recursos na tarefa de criar a cidade real. Palácios adornados de ouro, prata e pedras preciosas, ladeados por jardins das mil e uma noites, ganharam vida a partir dos desenhos dos arquitetos reais. As riquezas e parte da construção, entretanto, não resistiram aos saques e à deterioração. Ainda assim, o muito que restou do Forte vermelho ainda permite vislumbrar a opulência daqueles tempos remotos.